Ereira

A freguesia situa-se numa zona de planície entre os 10 e 20 m de altitude e é constituída na sua grande parte por terrenos de cultivo. Tem uma área de 7,26 Km2 e dista 3 Km da sede de concelho. É servida por estrada e pela estação de Verride da linha de caminho-de-ferro Alfarelos-Figueira da Foz.
Tem um papel de destaque na gastronomia, graças à sua ligação com os campos e o rio, que fornecem os ingredientes para o famoso arroz de lampreia, para o ensopado de enguias ou para o arroz doce.
Na Ereira nasceu, em 1884, o poeta Afonso Duarte, uma das figuras mais marcantes do concelho de Montemor-o-Velho. Ainda pouco conhecido, a Autarquia tem encetado diversas ações no sentido de divulgar a sua vida e, sobretudo, a sua obra. Conheça o último livro editado pelo Município de Montemor o Velho sobre Afonso Duarte em http://issuu.com/cm_mv/docs/afonso_duarte.

Visite: Entre os monumentos da freguesia são de referir a Igreja das Almas e a Casa do Torreão, ligada ao artista da renascença coimbrã, João de Ruão, que no local tinha algumas terras de cultivo.

 

Presidente:
Vasco Gonçalo Sousa Martins - (PS) / 938 320 644

Morada:
Rua Poeta Afonso Duarte
3140-672 EREIRA

Telefone/Fax: 239675497
    
E-Mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Atendimento:
3ªs e 5ªs  das 20h30 às 23h00

Saber...